sexta-feira, 1 de março de 2013

Análise da Loteca 548 - Jogo 6: Guarani/SP X Mogi Mirim/SP

  JOGO 6
          Guarani/SPXMogi Mirim/SP   
      Domingo dia 03/03/13 às 18h30 no Estádio Brinco de Ouro - Campinas/SP
Jogo válido pela 10ª rodada do Campeonato Paulista de Futebol – 2013 
Guarani/SP:
Os jogadores do Guarani tiveram um compromisso diferente nesta quarta-feira. Antes de subirem ao gramado para ouvir as orientações do técnico Branco, eles foram à sala do presidente Álvaro Negrão para uma longa reunião. Além do elenco inteiro, compareceram membros da diretoria, como o gerente de futebol Isaías Tinoco, pessoas da comissão técnica e o empresário Nenê Zini, um dos parceiros da atual administração
A conversa durou entre 45 e 50 minutos e, segundo a assessoria de imprensa, teve a intenção de resolver "assuntos internos" do clube. Os atrasos de pagamento do início do ano (e parte do final de 2012, já que os remanescentes desse ano não receberam o 13º salário) foram motivos de discussão. A presença de Zini, que ajudou a diretoria na montagem do atual elenco e também no pagamento de salários, indica isso
- Levamos não só o Nenê, mas também diretoria da divisão de base, para que eles possam repercutir essa reunião com os garotos também. Além disso, tivemos a participação desde o vice jurídico ao presidente, com todos os segmentos que interferem diretamente no futebol. O Guarani tem um projeto viável, que está aumentando a cada dia e queremos que os jogadores tomam ciência, para que eles possam dar sequência ao trabalho com dignidade - explicou Isaías Tinoco.
A reunião entre diretoria e jogadores acontece dois dias depois da polêmica entrevista de Álvaro Negrão à Rádio Central. Na segunda-feira, o cartola admitiu os problemas financeiros, afirmou que o Bugre está falido e que, se fosse uma empresa, já teria entrado em concordata. As frases do presidente causaram desconforto nos bastidores do clube.
O Guarani terá duas mudanças para enfrentar o Mogi Mirim no confronto deste domingo, em Campinas, pela décima rodada do Campeonato Paulista. Em relação ao time que empatou por 2 a 2 com o Ituano, o técnico Branco fará alterações no sistema ofensivo. Dener e Siloé são as principais novidades testadas no coletivo desta sexta-feira.
Os dois deixaram o departamento médico no início da semana. Dener está livre da lesão na coxa direita, que o tirou dos dois últimos jogos (ainda ficou fora de um terceiro, contra o São Paulo, por veto previsto em contrato). Já Siloé foi testado no trabalho com bola e não sentiu dores lombares como na semana passada.
Outra novidade é na defesa: Thiago Matias se recuperou de um estiramento leve na panturrilha direita e está confirmado ao lado de Leandro Souza. O experiente jogador, que já passou por Palmeiras e Ponte Preta, foi testado por Branco, não sentiu dores e está pronto para atuar desde o início.
As mudanças deixam o Guarani com uma cara mais ofensiva. Meia nas categorias de base do São Paulo, Dener fará o papel de volante pelo lado direito, na vaga do jovem Felipe Merlo (que, contra o Ituano, atuou pela esquerda). Na frente, Siloé reativa a parceria com Ronaldo Mendes, deixando o peruano Juan Cominges como opção no banco de reservas.
- O Siloé é muito rápido, vai ajudar muito o elenco. Ele recuperou bem a parte físico depois de uma semana de treinamentos. Foi bem no apronto de hoje (sexta) e tomara que ele consiga fazer um grande jogo. Ele e o Ronaldo (Mendes) estão em ótima fase. Espero que faça gols (risos) - explicou o técnico Branco.
O provável Bugre para segurar o ímpeto do Mogi Mirim é formado por: Juliano; Oziel, Leandro Souza, Thiago Matias e Diogo; Ademir Sopa, Dener, Mika e Thiago Gentil; Ronaldo Mendes e Siloé.
Mogi Mirim/SP:
Em bom momento no Campeonato Paulista, o Mogi Mirim se apega na marca de 10 anos sem derrotas para o Guarani, no Brinco de Ouro, para acreditar em mais uma vitória no Estadual e seguir entre os primeiros colocados.
A última derrota do Sapão, como visitante, para o Bugre, foi no dia 16 de fevereiro de 2003, quando o time campineiro venceu por 2 a 0. Naquele domingo, à tarde, Esquerdinho e Lúcio marcaram os gols do duelo, válido pela primeira fase.
Apesar da marca expressiva, os times se enfrentaram apenas mais duas vezes neste período. Em 2006, as equipes ficaram no 0 a 0, ainda pelo Paulistão. No ano seguinte, a igualdade foi por 1 a 1, no Brinco de Ouro, mas em jogo pela Série A2.
No histórico, porém, os confrontos entre Guarani e Mogi Mirim são equilibrados. Em 42 jogos, o Bugre soma 15 vitórias e o Sapão 14 triunfos. Ainda foram outros 13 empates. Contando apenas partidas pelo Paulistão, foram 38 jogos, sendo 13 vitórias para cada lado e 12 empates.
Na temporada passada, o Mogi Mirim venceu por 3 a 0 em confronto no Estádio Romildo Ferreira. Hernane, duas vezes, e Roni marcaram os gols. Já em 2009, no mesmo local, o Bugre venceu por 2 a 1, com gols de Felipe Piovesan e Dairo. João Sales descontou para o Sapão.
As equipes se enfrentam novamente no domingo, às 18h30, no Brinco de Ouro, pela décima rodada. As equipes estão em situações opostas. O time campineiro, luta contra o rebaixamento, enquanto que o Sapão está em terceiro lugar e busca a classificação para as quartas de final.
O técnico Dado Cavalcanti não poderá contar com o meia Carlos Alberto no estádio Brinco de Ouro, domingo, 3, às 18h30, contra o Guarani, pela décima rodada do Campeonato Paulista
Para definir quem vai iniciar o jogo contra o Bugre com a camisa sete, o técnico do Mogi Mirim vai realizar vários trinos táticos durante a semana. Val, que disputou 45 partidas pelo Paulistão com a camisa do Mogi Mirim espera ser o escolhido. “Trabalho sempre para jogar. Ser escalado ou não, é opção do treinador”, comentou o meia.

Prognóstico: Partida entre dois times tradicionais do interior paulista. O Guaraní vem de um empate por 2X2 fora de casa diante do Ituano (resultado que ajudou os 14 pontos do nosso bolão), no entanto é o primeiro time fora da zona de rebaixamento e não pode mais pensar em perder pontos neste momento no campeonato, a equipe soma oito pontos em 9 jogos com 2V, 2E e 5D. Já o Mogi Mirim venceu por 1X0 na última rodada o Oeste jogando em casa. A equipe faz uma brilhante campanha no campeonato e é a terceira colocada com 17 pontos em 9 jogos (5V, 2E e 2D). Jogo que tem tudo para ser um dos mais equilibrados do concurso. O lotequeiro não deve se iludir com a atual fase dos times, onde a tabela de classificação pode se tornar uma errônea informação para o palpite. Indicarei um duplo obrigatório neste jogo, colunas 1 e 2, não acredito na ocorrência do empate neste jogo.

Um comentário:

FABIO WHISK ZITO disse...

O Guarani não pode cair mais uma vez.
Em casa tem que ganhar de qualquer jeito.

Vou arriscar coluna 1.