sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Análise da Loteca 544 - Jogo 2: Santos/SP X São Paulo/SP

JOGO 2
 
Santos/SPXSão Paulo/SP
Domingo dia 03/02/13 às 17h00 - Estádio da Vila Belmiro/SP
Jogo válido pela 5ª rodada do Campeonato Paulista de Futebol - 2013


Santos/SP: O técnico Muricy Ramalho, do Santos, não descarta afastar alguns de seus principais jogadores do duelo contra o São Paulo, no próximo domingo, na Vila Belmiro. Segundo o treinador do Peixe, que poupou Renê Júnior e Arouca da vitória contra o Ituano, em Itu, os jogadores do Santos vêm sofrendo com dores musculares devido à falta de tempo de preparação na pré-temporada.
- Temos que escutar os atletas e os médicos. Os dois volantes ficaram em Santos para descansar porque estavam com desconforto muscular. Sinceramente, não sei se jogam no final de semana.
Além de Renê Júnior e Arouca, o zagueiro Neto, que sentiu uma lesão sofrida no jogo contra o Bragantino e não atuou contra o Ituano, também é dúvida.
- Difícil definir neste momento, agora vamos fazer uma revisão médica. Se (o jogador) tiver problema muscular, vamos tirar para romper.
Na liderança do Paulistão, o Santos joga seu primeiro clássico do ano no final de semana. Ao contrário do que declarou Muricy Ramalho, Ney Franco, técnico do São Paulo, garante que não poupará os titulares contra o Peixe, apesar da viagem desgastante de volta da Bolívia, onde a equipe enfrentou o Bolívar, pela Libertadores. A partida de domingo marcará a volta de Paulo Henrique Ganso à Vila Belmiro e o primeiro jogo do meia Cícero contra seu ex-clube (São Paulo). Caso o Muricy tire a ideia da cabeça de poupar alguns titulares, o provável time que jogará o clássico contra o São Paulo será formado por: Rafael; Bruno Peres, Jubal, Durval e Guilherme Santos; Adriano, Cícero e Montillo; Miralles, André e Neymar.

São Paulo/SP: Com a classificação para a fase de grupos da Taça Libertadores, o técnico Ney Franco não pretende dar descanso aos jogadores titulares do São Paulo. A ideia do treinador é usar a equipe principal no clássico contra o Santos, domingo, às 17h (de Brasília), na Vila Belmiro, pelo Campeonato Paulista.
- A tendência é não poupar ninguém - disse o comandante na saída do estádio Hernando Siles, em La Paz.
Ney Franco, aliás, já havia começado a pensar no duelo diante da equipe de Neymar. No início do segundo tempo contra o Bolívar, o treinador sacou jogadores importantes para não correr o risco de perdê-los por lesão ou desgastá-los demasiadamente na altitude.
- Eu me dei ao luxo de poupar alguns jogadores visando o clássico, como o Luis Fabiano e o Osvaldo. Também tirei o Wellington, que já tinha cartão amarelo, poderia correr algum risco de expulsão e ficar fora do jogo contra o Atlético-MG (pela fase de grupos da Libertadores) - explicou o treinador.
Em duas rodadas do Paulistão, o São Paulo enfrentou o Mirassol com os titulares (2 a 0) e entrou em campo com reservas diante do Atlético Sorocaba (2 a 1). Como só volta a jogar pela Libertadores no dia 13 de fevereiro, contra o Atlético-MG, em Belo Horizonte, a equipe titular tem grandes chances de seguir atuando.
O técnico não deve fazer mudanças em relação ao time que foi a campo na Bolívia. O lateral-direito Douglas, improvisado quase como um ponta-direita, agradou bastante e pode permanecer (o treinador Ney Franco em entrevista ao vivo no programa Jogo Aberto da Band nesta 6ª feira confirmou PH Ganso no time titular contra o Santos). O provável time que iniciará o clássico será composto por: Rogério Ceni; Paulo Miranda; Lúcio, Rhodolfo e Cortez; Wellington e Denilson; Jadson e PH Ganso, Osvaldo e Luis Fabiano.

Prognóstico: Um dos grandes clássicos do futebol brasileiro terá a Vila Belmiro como palco e dois times em grandes momentos e com elencos recheados de estrelas. Santos e São Paulo chegam para o duelo deste domingo com muita confiança e motivação. O Santos vem de uma vitória fora de casa contra o Ituano por 1X0 e o São Paulo de um desgastante jogo na altitude de La Paz onde perdeu por 4X3 para o time local e uma cansativa viajem da Bolívia. Mesmo assim o treinador Ney Franco confirmou que colocará o mesmo time que jogou pela Libertadores na última quarta-feira. Já Muricy apontou que poderá poupar alguns titulares para o clássico, sendo assim, a indefinição sobre a equipe que disputará o jogo ficará para momentos antes do início da partida. O clássico tem tudo para ser nervoso e muito pegado. De um lado Neymar poderá fazer a diferença, do outro o trio ofensivo formado por Jadson, Oswaldo e Luís Fabiano também poderá desequilibrar. Jogo para triplo devido à qualidade técnica das equipes, e para complicar a vida do Lotequeiro o Muricy ainda não definiu se irá poupar alguns titulares para o jogo. Para as apostas simples indico o "triplo dos pobres": empate. Mas lembre-se que neste jogo somente o triplo resolve e garante o seu ponto.

Um comentário:

FABIO WHISK ZITO disse...

Vou de Sao Paulo SECO.

Eu acho que o Sao Paulo esta com mais moral doque o Santos no momento.