sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Análise da Loteca 544 - Jogo 08: Vasco/RJ X Bangú/RJ

JOGO 08
 
Vasco/RJXBangú/RJ
Domingo dia 03/02/13 às 19h30 - Estádio São Januário/RJ
Jogo válido pela 5ª rodada do Campeonato Carioca de Futebol - 2013


Vasco/RJ: Não houve muito tempo para lamentar. Pouco mais de 12 horas após o apito final da derrota por 4 a 2 para o Flamengo, o Vasco retomou o trabalho já visando à partida contra o Bangu, que acontece neste domingo. Mais do que uma atividade regenerativa em São Januário, o trabalho da manhã desta sexta-feira teve como objetivo não deixar o clima de abatimento tomar conta do grupo.
- Foi um jogo que passou. Os jogadores se empenharam muito, mas infelizmente o Vasco ainda não é uma equipe como a gente espera em todos os aspectos. A partida serviu para conscientizar sobre o que nos espera no campeonato. Temos uma equipe em formação, mas com qualidades e que tem todas as condições de disputar o título. Agora, com tranquilidade, vamos nos reorganizar - afirmou o técnico Gaúcho.
Ainda à beira do gramado do Engenhão após o clássico da última quinta-feira onde o Vasco perdeu a incencibilidade diante do Flamengo, o volante Fillipe Soutto lembrou que, a partir de agora, a motivação do Vasco será buscar a reação e colocá-la em prática contra o Bangu, neste domingo, em São Januário.
- Fico triste pela primeira derrota no Vasco, mas feliz porque nós temos a oportunidade de reagir já na próxima partida - frisou.
O técnico Gaúcho não mencionou ou divulgou se fará mudanças na equipe. Sendo assim, o provável time que iniciará a partida diante do Bangú em São Januário será composto por: Alessandro, Abuda, Dedé, André Ribeiro e Wendel; Fellipe Soutto, Pedro Ken, Bernardo e Jhon Cley; Éder Luís e Leonardo(Tenório).

Bangú/RJ: Em uma partida muito fraca tecnicamente, Bangu e Nova Iguaçu empataram em 0 a 0 na tarde desta quinta-feira, em Moça Bonita, pela quarta rodada da Taça Guanabara.
Com o resultado, a equipe alvirrubra permanece na quarta colocação do Grupo A, com cinco pontos. Já o Nova Iguaçu fica estacionado na sexta posição do Grupo A, com apenas quatro pontos somados. Na próxima rodada, o Bangu visita o Vasco em São Januário, às 19h30, no domingo. A equipe da Baixada, por outro lado, vai ao Engenhão, onde enfrentará o Flamengo, às 17h, também no domingo.
Os dois times começaram o jogo se estudando bastante e, por conta do estadio ruim do gramado de Moça Bonita, tinham muitas dificuldades em trocar passes. Logo aos 22 minutos, Leonardo Condé, bastante incomodado com o desenrolar do jogo, resolveu mexer no Nova Iguaçu: Nelinho entrou no lugar de Thales Cunha, para dar velocidade ao ataque. A alteração, porém, não surtiu efeito e a primeira etapa terminou como começou: 0 a 0.
Após o marasmo nos primeiros 45 minutos, a segunda etapa começou animada. Logo aos quatro minutos, Hugo recebeu lançamento de Alexssandro e, após boa arrancada, chutou para bela defesa de Jefferson. No retobe, Ives finalizou para o goleiro salvar novamente o Nova Iguaçu.
No embalo do time Alvirrubro, que tomava conta do segundo tempo, o técnico Cleimar Rocha, aos 16 minutos, resolveu mudar: Sérgio Junior e Guilherme entraram nos lugares de Alexssandro e Bruno Santos, respectivamente. Em resposta às alterações do técnico do Bangu, Leo Condé colocou Márcio Guerreiro na vaga de Dieguinho, já aos 25, tentando fazer com que o seu time oferecesse perigo à equipe da casa.
Embora o placar não mudasse, as equipe seguiam sofrendo constantes alterações. No Bangu, Eudes deu lugar a Nil. Já no Nova Iguaçu, Berlamino substituiu Uallace. E, aos 40 minutos, a principal chance de gol foi desperdiçada. Hugo cobrou pênalti e Jefferson, o nome do jogo, defendeu. Fim de jogo e 0 a 0 no placar.
O treinador Cleimar Rocha ainda não definiu a equipe que vai à campo contra o Vasco em São Januário, mas deu sinais após o empate do último jogo de que fará algumas modificações na equipe para o próximo jogo. O provável time do Bangú para a partida será composto por: Getúlio Vargas; Celsinho, Raphael, Carlos Renan e Bruno Santos; Ives, Araruama, André Barreto e Eudes; Hugo e Alexssandro.

Prognóstico: O Vasco tem tudo para fazer as pazes com a vitória nesta partida. O elenco assimilou de uma boa forma a derrota para o Flamengo e vai para o jogo diante do Bangú em busca somente da vitória para chegar a liderança isolada do seu grupo. O Bangú chega ao jogo disposto a armar uma retranca e achar nos contra-ataques o gol para a vitória na partida. Uma tática um pouco "suicida", mas que em muitas vezes o time inferior tecnicamente surpreende os adversários mais fortes. Não vejo grandes possibilidades do Bangú segurar o Vasco em São januário, sendo assim, aqui temos um ótimo seco do concurso, coluna 1 sem choro e nem vela. O empate ou a vitória do Bangú são considerados zebras no concurso.

Um comentário:

FABIO WHISK ZITO disse...

E concordo coluna 1.

Depois de perder pro FLA daquele jeito se vasco vacilar contra o Bangu a torcida nao vai tolerar.
E os jogadores sabem disso.